Seja protagonista de sua vida profissional

Confira as ferramentas para planejar sua carreira com base em quem você é.

Num passado não muito distante, fazia sentido planejar uma carreira a longo prazo, pois tudo parecia seguir rumos mais definidos. Mas, o mundo de hoje, em constante transformação, trouxe novas demandas aos profissionais e impactou a forma como as carreiras são construídas.

Nelissa Santos, da área de Cultura e Experiência – RH (arquivo pessoal).

Nelissa Santos, colaboradora da equipe de Cultura e Experiência – RH da Porto Seguro, falou ao Nosso Porto sobre essas demandas. Para ela, o cenário atual exige, além da revisão constante do planejamento profissional, o desenvolvimento de novas competências.

Autoconhecimento é o primeiro passo

Conhecer a fundo nossos objetivos e o que gostamos de fazer é requisito básico para um planejamento de carreira eficaz, que atenda às necessidades da Companhia e dos colaboradores.

Fernanda Moreno, da área de Cultura e Experiência – RH, aposta no autoconhecimento como ferramenta para esse processo. Afinal, as pessoas são diferentes e não têm necessariamente os mesmos objetivos. ˝Existe a expectativa de crescimento e desenvolvimento. Mas, independentemente da posição que ocupamos, devemos pensar em evoluir e darmos o nosso melhor sempre˝, acredita.

Algumas perguntas que podem nos ajudar a delimitar objetivos profissionais

  • Qual é o próximo passo que quero dar em minha carreira?
  • Como está o meu desenvolvimento hoje e o que preciso fazer para alcançar meu objetivo?
  • Quais são meus pontos fortes e como eles podem me impulsionar em direção ao meu objetivo?
A definição de metas e sonhos para a vida profissional é um processo individual. Podemos contar com apoio de outras pessoas nessa trajetória, mas a responsabilidade de colocar nossos planos em prática é totalmente nossa. O protagonismo consiste em nos apropriarmos de nosso desenvolvimento
Nelissa Santos

O protagonismo está em suas mãos

Fernanda destaca o programa de recrutamento interno como uma das ferramentas que os colaboradores da Porto podem utilizar para construir sua trajetória.

“Acreditamos que esse tipo de ferramenta permite que a construção da carreira esteja nas mãos do colaborador, de acordo com aquilo que ele sonha para a vida dele˝, coloca. ˝Mas, para dar certo, é imprescindível manter o diálogo aberto com as lideranças. Quando o nosso líder divide conosco suas percepções, nos ajuda a direcionar nossa carreira˝, completa Fernanda.

Potencializando competências

Kelly Santos, colaboradora da área de Cultura e Experiência – RH (arquivo).

Já apresentamos as competências que a Companhia espera de seus colaboradores para a próxima temporada. Mas, além de entendê-las e saber quando aplicá-las, como podemos desenvolvê-las?

Segundo Kelly Santos, que integra a área de Cultura e Experiência – RH, é possível perceber que os colaboradores já demonstram comportamentos ligados às competências que integram o Jeito Porto. Um exemplo é o quanto colocamos em prática o desprendimento, e também nossa criatividade durante o período da pandemia de Covid-19. Mas, sem dúvidas, todos temos oportunidades para seguir desenvolvendo-as e torná-las cada vez mais presentes em nosso dia a dia.

Nesse processo de desenvolvimento somos protagonistas, podendo participar das ações de desenvolvimento oferecidas pelo RH, e que se conectam às novas competências. E também contar com o com o apoio dos nossos líderes por meio de conversas e feedbacks ao longo do ano.

˝Valorizamos a aprendizagem contínua. Isso significa que podemos aprender a todo momento, em ações formais ou informais como, por exemplo, em momentos de troca de experiências.  Ações de desenvolvimento formais oferecidas pelo RH passam por diversos formatos para que os colaboradores possam escolher a forma que melhor se conecte ao seu estilo de aprendizagem˝, explica Kelly.

Entre essas ações estão o Programa de Desenvolvimento e as atividades desenvolvidas pela biblioteca.

Nelissa Santos destaca também a importância do Plano de Desenvolvimento Individual (PDI) e da troca de feedbacks para impulsionar o autoconhecimento e protagonismo.

˝O PDI é uma ferramenta que apoia a estruturação dos objetivos. Ele se conecta à possibilidade de autodesenvolvimento dentro da área de cada colaborador e também às mudanças de carreira que podem surgir por meio do programa de recrutamento interno˝, explica.

Já os feedbacks, tanto de colegas e como de líderes, contribuem para que possamos reconhecer nossos pontos fortes e refletir sobre ações que podem nos apoiar no que é preciso desenvolver.
Oportunidades de aprendizado e troca de experiências

Na segunda edição do Nosso Porto, falamos sobre a importância de conhecer nossas formas de aprendizado, e da disponibilidade de estarmos sempre abertos a absorver novos conhecimentos e informações.

Para quem quiser se aprofundar no conhecimento sobre as novas competências e o novo processo de Gestão de Desempenho, vale a pena dar uma olhada no Curso de Gestão de Desempenho disponibilizado na Plataforma Elo.

Aprender sempre!

Quer saber mais sobre o conceito de aprendizagem contínua? Leia aqui a matéria sobre o tema publicada na segunda edição do Nosso Porto. E assista aqui ao vídeo manifesto sobre aprendizagem contínua.

Fundamental é ser feliz

Fernanda Moreno, da equipe de Cultura e Experiência – RH (arquivo).

Autoconhecimento para entender o que faz nosso coração bater mais forte. Protagonismo na utilização das ferramentas propostas pela Companhia para nosso desenvolvimento profissional. E aprendizado constante para entender as transformações num mundo que não fica parado. Com esses ingredientes, é possível construir um planejamento profissional que aponte para aquilo que é mais importante: a busca pela satisfação com o que fazemos. 

˝Quando estamos num lugar em que não queremos estar, nossa produtividade tende a cair. A chave é descobrir o que nos faz felizes e trilhar essa busca, que é pessoal e contínua˝, finaliza Fernanda.

Comentários

{{comment.parent.comment_author}}
{{comment.parent.comment_date}}
{{comment.parent.comment_content}}
Comentar
{{children.comment_author}}
{{children.comment_date}}
{{children.comment_content}}
Comentar
Ver mais comentários

Matérias anteriores

fevereiro 01
Bora ser nossa melhor versão em 2021!
Como identificar nossa forma de aprender para nos tornarmos nossa melhor versão?
Conheça os comportamentos que vão apoiar seu protagonismo na nova temporada.