Um porto seguro também para o comércio do bairro

Conheça as iniciativas da Porto para ajudar os negócios do entorno da Matriz, em SP

Não é novidade que a pandemia de Covid-19 impactou diversos setores da economia não só no Brasil, mas em todo o mundo. Entre os serviços que sofreram com o sumiço da clientela de um dia para o outro foram os negócios voltados para alimentação e de contato direto com o público, como salões de beleza, oficinas etc. Todos tiveram de se reinventar ou, em muitos casos, fechar as portas.

Os arredores dos prédios da Matriz da Porto, no bairro de Campos Elíseos, em São Paulo, são repletos de comércios e serviços que se beneficiam diretamente dessa proximidade.

Ser um porto seguro para todos(as) não significa somente garantir a segurança de nossos(as) colaboradores(as), mas também fazer o possível para que esses negócios conseguissem atravessar a fase difícil e conservar os empregos e os sonhos de muita gente.

Boa parte desses(as) comerciantes já mantém diálogo permanente com a Porto por meio da Associação Campos Elíseos +gentil. E, por meio dela, foi possível entrar em contato e organizar iniciativas que se mostraram determinantes para ajudá-los(as) a passar por esse momento complicado.

Simone Victorino, Sustentabilidade (arquivo pessoal).

Segundo Simone Victorino, quando os(as) colaboradores(as) foram encaminhados(as) ao trabalho remoto, a área de Sustentabilidade, da qual ela faz parte, começou imediatamente a pensar em formas de socorrer os(as) comerciantes. 

“Nossa primeira iniciativa foi pedir aos(às) comerciantes que criassem vouchers, que oferecemos aos(às) colaboradores(as) para que comprassem e utilizassem no momento de retorno à Matriz”, conta Simone.

A segunda iniciativa conseguiu envolver não só os restaurantes do entorno, mas as instituições credenciadas e atendidas pela Porto no bairro. Simone explica: “No projeto Quentinhas, a Porto comprou, entre março e outubro de 2021, quase 140 mil unidades de marmitex de dez restaurantes da vizinhança, para distribuir entre onze instituições sociais, responsáveis pelo atendimento de pessoas em situação de vulnerabilidade. Esta ação conseguiu impactar positivamente tanto o comércio quanto a comunidade”. 

Já o Guia de Serviços foi pensado para o momento atual, de retorno às atividades presenciais. “Muitos(as) colaboradores(as) estavam preocupados(as) se os mesmos locais que costumavam frequentar antes da pandemia estariam funcionando. Então, construímos este Guia para divulgar os que permanecem de portas abertas. Publicamos o Guia no jornal dos Campos Elíseos, e também uma versão on-line no site da Associação Campos Elísios + Gentil e na Portonet”.

“Sem dúvida conseguimos ajudar bastante gente. Não só os(as) comerciantes, mas também as instituições. A pandemia colocou muita gente em situação de vulnerabilidade, muitos(as) perderam seus empregos. É gratificante saber que pudemos contribuir e trazer um pouco de conforto para essas pessoas”, completa Simone. 

Um porto seguro para o comércio do bairro

Para conhecer mais de perto a realidade do comércio do entorno durante esses meses difíceis, o Nosso Porto conversou com Rosana Maria Vieira de Faria, conhecida como Penélope, proprietária do Penélope Beauty Saloon (salão de beleza) e do Penélope Martelinho (serviços automotivos), e também com Maria Adeilda da Silva Cruz, a dona do restaurante Cantinho da Maria.

Rosana Maria Vieira, a Penélope (arquivo pessoal).

“Trabalho com serviços automotivos, dos mais simples aos mais complexos. A pandemia afetou todo mundo. Eu tive de mudar minha forma de trabalhar, passei a buscar o carro na casa dos(as) clientes para que não ficassem transitando e ofereci serviços de higienização para esterilizar os carros. A Porto movimenta os Campos Elíseos, então a ida dos(as) colaboradores(as) para o trabalho remoto transformou o bairro numa área morta. Mas conseguimos nos adaptar e sobreviver à pandemia. Estamos muito felizes com a volta da Porto, vai gerar um movimento enorme e os estabelecimentos mais afetados, que foram os ligados à alimentação, poderão retornar. Eu tenho também um salão de cabeleireiro que havia acabado de inaugurar. Minha expectativa é contar com o público da Porto também para esse estabelecimento. Essa volta significará uma melhora muito grande. Eu tenho muito a agradecer à Porto. Comecei pequenininha e expandi muito, ganhei conhecimentos e atendo bastante gente da Companhia”.
Rosana Maria Vieira, a Penélope, Penélope Beauty Saloon (Alameda Barão de Piracicaba, 904) e Penélope Martelinho de Ouro (Alameda Eduardo Prado, 130). 

Maria Adeilda da Silva Cruz (arquivo pessoal).

“Atualmente, trabalho com marmitex para viagem e serviço a la carte. Encerrei o self-service por conta da pandemia, por questões de segurança. A Porto Seguro me salvou. Quando surgiu o projeto “Quentinhas” eu não tinha mais para onde correr. Minha luz foi a Porto. Comecei vendendo marmitex de porta em porta e lutei muito para ter meu estabelecimento. Sou muito grata e fico emocionada, porque tive de dispensar algumas pessoas e quase fechei as portas. Mas, graças ao projeto, e também aos(às) moradores(as) que compraram minhas quentinhas, me mantive firme e ainda pude ajudar ao próximo! Fiz as quentinhas para as instituições com muito carinho e serei sempre grata à Porto Seguro. Espero que tudo volte ao normal logo, aos poucos percebo que as pessoas estão voltando ao meu estabelecimento, gente que eu não via há muito tempo, e que é muito bom saber que está bem. Em 2022, espero poder voltar a oferecer o buffet self-service e recontratar algumas pessoas”.
Maria Adeilda da Silva Cruz, Cantinho da Maria (Alameda Barão de Piracicaba, 912)

Comentários

{{comment.parent.comment_author}}
{{comment.parent.comment_date}}
{{comment.parent.comment_content}}
Comentar
{{children.comment_author}}
{{children.comment_date}}
{{children.comment_content}}
Comentar
Ver mais comentários

Matérias anteriores

Confira o que tem de bom rolando na Porto de 7 a 10 de dezembro!
Confira o que tem de bom rolando na Porto de 29 de novembro a 3 de dezembro!
Confira o que tem de bom rolando na Porto de 22 a 26 de novembro!